no

Tetsuya Ishida e a rotina angustiante.

As obras de Tetsuya Ishida nasceram das agruras da vida real, como as sensações claustrofóbicas dos indivíduos e sua desorientação numa sociedade tecnologicamente avançada e de um sistema financeiro massacrante. Mostram homens esfolados, devorados e explorados pela manufatura industrial e pelos frutos de sua produção.

O que você acha?

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários